Auxílio emergencial: 40 milhões devem receber nova rodada do benefício

1.031

A projeção da pasta é realizar um filtro do programa, com foco na população que pertence às camadas mais baixas de pobreza. A quantidade de pessoas a receber o auxílio deve incluir os beneficiários do programa Bolsa Família.

Os valores podem ficar entre R$ 200 e R$ 250 por beneficiário. Além disso, a equipe econômica também estuda eliminar o pagamento em dobro para mães solteiras, realizado em 2020.

Ainda de acordo com a reportagem, o custo do auxílio emergencial em 2021 seria entre R$ 8 bilhões e R$ 12,5 bilhões por mês. O Ministério da Economia afirma, ainda, que o programa pode durar três ou quatro meses. Com isso, o governo pagaria entre R$ 24 bilhões e R$ 50 bilhões pelo benefício. No ano anterior, o montante gasto foi de R$ 322 bilhões.

Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

× Sugestão de pauta ou denúncias!