Gaeco deflagra operação para investigar aquisição de testes de Covid-19 no DF e em sete estados, incluindo Goiás

155

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) está cumprindo, na manhã desta quinta-feira (2) 74 mandados de busca e apreensão no Distrito Federal e em sete estados, incluindo Goiás, para apurar ilegalidades praticadas em contratações que envolvem testes para detecção da Covid-19. Os mandados foram deferidos pela Justiça Criminal de Brasília e decorrem de uma investigação iniciada no GAECO/MPDFT. As investigações incluem ainda São Paulo, Espírito Santo, Bahia, Santa Catarina e Paraná.

De acordo com as informações, existem fortes indícios de superfaturamento na aquisição dos insumos e ainda evidências de que marcas adquiridas seriam imprestáveis para a detecção eficiente do COVID-19 ou de baixa qualidade nessa detecção. O somatório do valor das dispensas de licitação sob investigação supera o valor de 73 milhões de reais.

O processo corre em sigilo. Durante a operação e as investigações, o Gaeco tem tomado todas as cautelas em relação à situação de pandemia e à delicadeza do momento.

*Com a informação do Portal Rota Jurídica.

Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

× Sugestão de pauta ou denúncias!